Tenho 'Nome Sujo' posso financiar pelo Minha Casa Minha Vida?

Ter uma casa ou apartamento próprio é o sonho da maioria dos brasileiros, sair do aluguel e conquistar o endereço fixo já é realidade para milhares de brasileiros. Hoje esclareceremos uma dúvida enviada com bastante regularidade para o blog, será que quem tem o nome sujo consegue financiar pelo programa Minha Casa, Minha Vida? A resposta é SIM, porém não são todos que conseguem financiar tendo uma pendência financeira no CPF (Cadastro da Pessoa Física), entenda melhor abaixo.

Quem pode financiar tendo o “Nome Sujo”?

O financiamento de uma casa ou apartamento pelo Minha Casa mesmo com restrições no nome só é liberado caso o pretendente se enquadre na faixa I (um) do programa Minha Casa Minha Vida, pois essa faixa não faz a análise de risco já que é considerada de interesse social e o governo chega a subsidiar até 90% do valor desses imóveis. Veja porque não há análise de risco para essas famílias:

A regra do Minha Casa Minha Vida I (um) é a seguinte: As famílias que ganham até R$ 1,6 mil devem pagar uma prestação de cinco por cento (5%) da renda familiar bruta durante 10 anos (120 meses), todo o valor restante deverá ser pago pela união em forma de subsídio.

Dessa forma o banco financiador (Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil) não realizada análise de risco, visto que a maior parte do valor do imóvel será custeada pelo governo, já que determinado financiamento é considerado de interesse social.

Uma família que ganhe R$ 1 mil por exemplo, deve pagar uma prestação de R$ 50,00 (cinquenta reais) por mês, pois este valor equivale a cinco por cento de sua renda.

Quem não pode financiar no Minha Casa Minha Vida com o nome sujo?

As famílias que não se enquadram na faixa I (renda de até R$1,6 mil) não podem financiar pelo MCMV caso apresentem alguma restrição no CPF, visto que o banco fará uma análise de risco para constatar a capacidade de pagamento das prestações. Então se você se enquadra na faixa II ou III o financiamento só poderá ser liberado caso o pretendente não apresente o nome sujo.

Conclusão
As famílias que ganham menos de R$1,6 mil podem financiar uma casa ou apê mesmo que estejam com o nome sujo, visto que a faixa I é considerada de interesse social, tendo até 96% do valor do imóvel subsidiado pelo Governo. Já as famílias que ganham acima de R$ 1,6 mil não podem financiar caso tenham alguma pendência no SCPC ou Serasa, pois o banco fará a análise de risco no momento da contratação do financiamento.
0 comentários:
Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...