Minha Casa Minha Vida está disponível para todas as cidades

O Governo Federal estendeu o programa Minha Casa Minha Vida para todos os municípios brasileiros, isso significa que todas as cidades estão aptas a receberem investimentos do programa do Governo Federal. Antes as cidades com menos de 50 mil habitantes tinham que passar por um processo de seleção, na maioria das vezes esses municípios não eram aceitos no programa por conta dessa restrição imposta pelo programa. Agora com a liberação para todos os municípios, as prefeituras poderão contratar junto a Caixa Econômica Federal ou Banco do Brasil empreendimentos para as famílias com renda de até 3 salários mínimos.


Cidade pequena também é difícil comprar uma casa 
Muita gente tem a falsa sensação de que quem mora em cidade do interior com menos de 50 mil habitantes tem um vida mais fácil, a verdade é que pode ser até mesmo mais difícil, isso porque muitos municípios tem poucas oportunidades de empregos. A "porcentagem de famílias que pagam aluguel em cidades menores é tão grande quanto o de uma capital", por isso nada mais justo do que estender o programa Minha Casa Minha Vida a todos os brasileiros.

O que as prefeituras deveram fazer 
Para que os municípios recebam investimentos do Programa Minha Casa Minha Vida bastará que os interessados procurem a Caixa Econômica Federal ou o Banco do Brasil para assinar um convênio, o banco fica responsável por contratar uma construtora para execução das obras.

Posteriormente a isso, as prefeituras deverão selecionar as famílias com renda de até 3 salários mínimos para o programa, elas deverão pagar parcelas de no máximo 10% da renda durante o período de 10 anos, não há exigências de nenhum valor de entrada para essas famílias.

Poderão participar do Minha Casa Minha Vida as pessoas com renda familiar de até 3 salários mínimos e que não possuam casa própria. Já a inscrição para quem ganha de 3 a 10 salários mínimos é feita diretamente em uma agência da Caixa Econômica Federal (CEF) ou do Banco do Brasil.

A inscrição das famílias com até 3 salários mínimos continuará sendo de responsabilidade das prefeituras de cada município.
0 comentários:
Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...