Participar do Minha Casa Minha Vida em Santa Catarina

O Minha Casa Minha Vida está presente em mais de 100 municípios no estado de Santa Catarina, ele já realizou o sonho da casa própria de milhares de famílias em todo o estado, se você possui renda de zero a no máximo R$5.000 poderá estar participando do programa, o valor dos subsídios concedidos pelo Governo Federal varia de acordo com a faixa de renda que você se encaixar. Para quem tem renda até R$1.600 o valor dos benefícios do governo poderá chegar a 95% do valor do imóvel, isso porque eles são calculados com base na renda familiar e não no valor do imóvel. Já a segunda etapa do programa é voltado para quem ganha até R$5.000 nesta fase os benefícios são menores mais mesmo assim é vantajoso pois os juros são baixos e o prazo de financiamento pode ser feito em até 360 meses.


Em Santa Catarina já estão aptos a participar do programa vários municípios como: Joinville, Florianópolis, Blumenau, São José, Criciúma, Chapecó, Itajaí, Lajes, Jaraguá do Sul, Palhoça, Balneário Camboriú entre outras cidades. São mais de 100 municípios que já receberam ou ainda irão receber imóveis do minha casa minha vida.

As duas fases do programa

Fase I 


  • Voltado exclusivamente para famílias com renda de zero a R$1.600 
  • Prazo de Financiamento de 120 meses (10 anos) 
  • Valor das parcelas igual a 10% da renda familiar (mínimo R$25,00) 
  • Inscrição feita pelas Prefeituras 

Fase II 


  • Para famílias com renda de R$1.601 a R$5.000 
  • Prazo de Financiamento de 360 meses (30 anos) 
  • O valor da parcela varia de acordo com o valor do imóvel 
  • Os interessados podem procurar diretamente um dos bancos financiadores: Caixa Econômica Federal ou o Banco do Brasil. 


A Fase I do Minha Casa Minha Vida tem carácter de Moradia Social, isto é, destinação exclusiva para famílias de baixa renda, que moram em áreas de risco ou desfavelamento. Sem o MCMV estas famílias não poderiam ter acesso a Casa Própria, pois o valor da renda não é compatível com os Financiamentos Habitacionais, o programa proporcionou a este grupo a possibilidade da conquista da Casa Própria dando mais dignidade as famílias brasileiras.

Na primeira fase as prefeituras tem papel muito importante, pois são elas que selecionam as famílias para a realização de sorteio para as Casas e Apartamentos do Minha Casa Minha Vida.

Já a Fase II é para as famílias com maior poder aquisitivo e que podem ser submetidas a um financiamento habitacional, o programa dá incentivos com subsídios, o valor varia de acordo com a renda e o valor do imóvel pretendido pelo financiamento.
0 comentários:
Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...